Histórico da Telestomaterapia do LABEST

Histórico da Telestomaterapia do LABEST

A implantação da Telestomaterapia teve início em 2013 e faz parte das atividades de extensão da Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Comunitários – Proex e Laboratório de Pesquisa em Estomaterapia-LABEST da UEA (universidade do Estado do Amazonas), sob a coordenação da Profª. Ms.Eliana Marques Gomes da Silva e Vitória da Costa Pereira, aluna do curso de medicina, enfermeiros e médicos voluntários, em teleconsultorias e teleconsultas assíncronas e síncronas, que são realizadas com o apoio do polo de telessaúde da UEA, que capacita os voluntários e intermedia os agendamentos e atendimento aos profissionais e pacientes que residem em áreas remotas dos Municípios do Amazonas, onde o acesso é limitado pelo transporte fluvial.

Durante a pandemia, foram necessárias novas parcerias para ampliar o atendimento à população Amazonense que enfrentava o isolamento social. Com esse propósito, a SOBEST® (Associação Brasileira de Estomaterapia), cuja presidente era a Profª.Dra Sônia Evangelista Dantas, aceitou apoiar e fazer um acordo de cooperação para novos voluntários estomaterapeutas que estão associados à SOBEST®. Junto com os alunos do curso de Especialização em Podiatria Clínica da UEA e o Apoio da ABENPO (Associação Brasileira de Enfermagem em Podiatria Clínica), foram realizadas diversas teleconsultorias, teleconsultas e consultas presenciais.

Por meio dessa ação, a professora Eliana Marques Gomes da Silva foi honrada com o prêmio D-Foot International Regional for SACA (Pé Diabético Internacional) para a região América do Sul e América Central. A D-Foot, uma organização científica composta por 150 especialistas de todas as partes do mundo, tem como foco o Pé Diabético, uma das complicações mais frequentes do diabetes. A indicação da Dra. Hermelinda Pedrosa foi apoiada pelos Representantes Nacionais D-Foot no Brasil e pelo Grupo Brasileiro de Neuropatias e Pé Diabéticos (BRANSPEDI)

A Telestomaterapia decidiu manter e ampliar as parcerias com o Abraça -RS e Telessaúde, que fazem parte da UDDAE (Unidade de Desenvolvimento Docente e Apoio ao Ensino) da UEA e outros polos de telessaúde, com o objetivo de auxiliar profissionais e pessoas que necessitam de cuidados com feridas, estomias e incontinência urinária e fecal.

Para atender às necessidades dessa população, a telestomaterapia está cadastrando novos voluntários teleconsultores, incluindo enfermeiros especialistas em Estomaterapia, Dermatologia e Podiatria Clínica, além de médicos dermatologistas e vasculares.

Acreditamos que essa iniciativa não seria viável sem a tecnologia em saúde e pessoas tão conectadas e solidárias em todo o país.

Seja um voluntário também e faça seu cadastro clicando aqui.

Eliane Marques Gomes da Silva

Profª. Ms.Eliana Marques Gomes da Silva

Mestre em Ensino e Cências da Saúde pela Unifesp, Especilaista em Estomaterapia pela EEUSP, Graduada em Enfermagem Pela Nilton Lins, Habilitada em Ozonioterapia pela UERJ, Docente, pesquisadora e

Coordenadora do LABEST – (Laboratório de Pesquisa em Estomarerapia) da Universidade do Estado do Amazonas e Coordenadora pedagógica do curso de especialização em Enfermagem em Podiatria Clínica da UEA.

pt_BRPortuguese

Armazenamos dados temporariamente para melhorar a sua experiência de navegação. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Saiba mais acessando nossa Política de Privacidade.